Faça neste ano um Natal verdadeiro !

Profº Marins

A verdade é que penduraram tantas coisas nessa árvore chamada
Natal que a maioria das pessoas acabou perdendo a visão da árvore. Os inúmeros significados do Natal acabaram se perdendo frente à motivação comercial que assumiu a prioridade. A árvore, o Papai Noel e até o Presépio (que deveria ser o símbolo principal) ou caíram em desuso ou têm sido mal utilizados pela sociedade. Vi, com surpresa, num restaurante em Teresópolis, RJ, um Papai Noel verdadeiro, pois ele representa São Nicolau, um bispo da Ásia Menor, do século IV. E com essa confusão toda os próprios valores acabaram se perdendo.

Diante dessa realidade, meu pedido é que, você faça um Natal verdadeiro neste ano, não só nos símbolos como,
principalmente, no espírito deste tempo especial. Faça deste Natal um verdadeiro tempo de renascimento dos ensinamentos, valores e princípios que Jesus Cristo, aquele de quem comemoramos o nascimento há mais de dois mil anos nos ensinou.

Meu pedido é que aproveite este tempo de Natal para revisitar
como está sua vida em todos os seus aspectos: você como indivíduo; você como marido; você como esposa; você como filho; você como pai; você como mãe; você como amigo(a); você como patrão(oa); você como chefe; você como empregado(a); você como colega de trabalho, etc. Enfim aproveite para fazer um profundo exame de consciência e se olhar de frente para poder enfrentar tudo aquilo que você sabe que deve melhorar, mudar, perdoar
e esquecer.

E num tempo louco como este, pense como está sua relação com a tecnologia, com celulares, internet, redes sociais, etc. Será que você não está demasiadamente “viciado” nessas tecnologias e deixando de conversar com pessoas olhando em seus olhos, ouvindo o que dizem e prestando atenção? Será que você não anda ansioso demais para olhar a última mensagem ou postagem em seu celular, em vez de conversar com seus filhos, com sua esposa ou marido, seus amigos? Será que não estamos “virtuais” demais e nos esquecendo das “virtudes”? Pense também como anda sua espiritualidade, seu relacionamento com o seu Deus. Enfim, aproveite o Natal e faça renascer um novo você, aquele que
você realmente gostaria de ser.

Pense nisso. Sucesso! Feliz Natal!

Anthropos – Antropologia Empresarial
anthropos.com.br

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma resposta